Vipal Borrachas usa casca de arroz para produção de borracha

01 - Vipal-Borrachas-usa-casca-de-arroz-para-produção-de-borracha

A Vipal Borrachas investe constantemente em tecnologia aplicada a produtos e soluções ecológicas. É o caso de pesquisa que estuda a possibilidade de aproveitar o resíduo da casca de arroz e utilizar como matéria-prima para a indústria da borracha, fruto de uma parceria entre a empresa, a Universidade de Caxias do Sul, no Brasil, e a Lodz University of Technology da Polónia.

Uma das participantes dessa iniciativa é a Analista de Pesquisa e Desenvolvimento da Vipal, a engenheira de materiais e química Suélen Moresco, que conquistou recentemente um prémio na categoria Indústria devido ao conjunto de estudos voltados, por exemplo, ao desenvolvimento de produtos e processos tecnológicos sustentáveis. Suélen ressalta que a sobra da produção do arroz é utilizada como combustível para alimentar termoelétricas e dessa geração de energia ainda restam as cinzas da queima do resíduo, objeto de estudo do projeto da Vipal, que prevê o tratamento desse subproduto.

A pesquisa ainda se encontra na etapa de validação laboratorial interna e deve seguir para testes na fábrica. O pedido de patente do processo já foi solicitado pela Vipal e pelas universidades que participam da ação. Conforme a pesquisadora, uma das vantagens do uso da cinza da casca de arroz, além de dar uma destinação adequada ao resíduo, é diversificar as matérias-primas dentro da cadeia da borracha.

A Vipal tem no seu DNA a preocupação em oferecer soluções que estejam alinhadas às práticas de respeito ao meio ambiente. Uma destas diretrizes que a Vipal está em acordo é a Agenda 2030, série de compromissos instituídos pelas Nações Unidas. A marca conta também em seu portfólio com produtos que respondem à Economia Circular. Fazem parte deste conceito as Bandas ECO, que geram um menor consumo de combustível dos veículos devido a um composto de borracha de alta tecnologia.

Conforme Rodemir Conte, Gerente de Engenharia de Produto e Processo da Vipal Borrachas, o desenvolvimento destes novos produtos é um trabalho a longo prazo. “A Vipal investe bastante em pesquisa e isso a mantém forte e em constante renovação. Esses produtos colocam a empresa um passo à frente da concorrência em um mercado que necessita dessa renovação e alternativas que reduzam os impactos ambientais”, destaca. Para Frederico Schmidt, Gerente Geral da Vipal na Europa, o conceito de sustentabilidade aliado à inovação e à tecnologia é um diferencial da empresa. “Mercados importantes para a marca vêm adotando cada vez mais medidas que levam em consideração a Economia Circular, como Espanha, França, Alemanha entre outros países. Desta forma, a Vipal está na vanguarda, seja por meio de pesquisas, produtos ou soluções que vão ao encontro dos mais diversos aspetos sócio-ambientais do setor de transportes e da indústria como um todo”, observa Schmidt.

Notícias da mesma categoria

João Vieira

Do mesmo Autor: João Vieira

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com