Easypneus aposta na distribuição de marcas Mitas e Cultor

02 - Easypneus-aposta-na-distribuicao-de-marcas-Mitas-e-Cultor

Daniel Mestre, proprietário da empresa Easypneus, é o novo distribuidor das marcas Mitas e Cultor, pertencentes ao grupo Trelleborg Wheel Systems, para o Sul de Portugal.

Após vários anos no estrangeiro, onde esteve ligado ao mercado dos pneus para motos, e inspirado pelo seu pai, que se dedicava ao comércio de arte na Suíça, Daniel Mestre regressa a Portugal e, em 2007, inicia o seu negócio. “Detetei uma lacuna que existia em Beja e quis inovar com a criação de um serviço de pneus distintivo e com um apoio próximo e atento às necessidades da agricultura da região”, refere Daniel.

A parceria com a Trelleborg surgiria 10 anos depois, em 2017. Após dois anos de trabalho em conjunto, com o intuito de apresentar as diversas marcas do Grupo Trelleborg Wheel Systems, nomeadamente Trelleborg, Mitas e Cultor, a Easypneus viria a realizar um encontro com vários agricultores nas suas instalações – local que acabaria por se tornar no ponto de referência para falar sobre a agricultura e pneus, na zona de Beja.

Nessa ocasião, o agora distribuidor Mitas e Cultor para o Sul de Portugal não poupou nas palavras para descrever essas marcas: “Qualquer uma das marcas é de alto rendimento e de alta qualidade”. Não deixou ainda de referir a experiência e a especialização da Trelleborg no sector: “É uma marca que faz pneus há mais de um século e que, contrariamente a outras marcas, é especializada e virada para a agricultura, a 100%.”

Uma das principais bandeiras da Easypneus é, como muitas vezes refere o seu proprietário, a proximidade com os agricultores. Exemplo disso foi a criação de um serviço de assistência no local, pioneiro na zona de Beja, que permite uma assistência de 360º, sem a necessidade de visitar a oficina. Trata-se de um verdadeiro apoio para os agricultores, perante adversidades, que contribui para uma maior eficiência.

Este é sem dúvida o verdadeiro catalisador para o sucesso desta parceria. O objetivo de criar uma maior proximidade com os agricultores é uma filosofia partilhada entre as partes e que deverá guiar a atuação no mercado português, um mercado, como o próprio Daniel reconhece, com muita capacidade: “Portugal é um mercado com futuro, no qual existe um compromisso muito importante com a agricultura, demonstrando potencial nas culturas da oliveira, amendoeira e vinhas.”

De facto, como o próprio aponta: “Devido à influência da Barragem do Alqueva, o sul do Alentejo tem vindo a assistir a uma transformação agrícola, passando de uma agricultura de sequeiro, para um cultivo de regadio”. Estas alterações traduziram-se no aumento da área cultivada, que, nos dias de hoje, ronda os 200.000 hectares, uma tendência que não irá abrandar, sendo que, em 2023, espera-se que esse número ascenda aos 300.000 hectares.

Esta transfiguração do panorama da agricultura, introduz, assim, novas necessidades. “Para acompanhar esta alteração, os tratores tiveram de mudar, e, com isso, também surgiram outras necessidades no que aos pneus diz respeito”, refere Daniel ao apontar as oportunidades do mercado.

Sobre o seu novo papel como distribuidor, Daniel Mestre olha para o futuro com objetivos bem definidos: “Queremos acompanhar a tendência daquela que é a maior zona agrícola em crescimento do país, através da afirmação destas três marcas no mercado nacional. Ao mesmo tempo, queremos continuar próximos dos nossos clientes e a dar a resposta mais rápida possível no terreno, com a ajuda da Trelleborg, que possui colaboradores que se dedicam aos agricultores, através de um serviço personalizado desde a montagem dos pneus, até ao fim de vida dos mesmos.” Trata-se, assim, de uma visão consolidada que complementa a sua missão de prestar um serviço de excelência, numa área onde o contacto direto assume uma importância indubitável.

 

Notícias da mesma categoria

Redação RP

Do mesmo Autor: Redação RP

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com