Michelin estabelece parceria com CTT

05 - Michelin-estabelece

Os CTT e a Michelin assinaram um acordo de colaboração para a gestão da manutenção dos pneus da sua frota de pesados e ligeiros de mercadorias de frota própria, numa iniciativa que visa contribuir para um transporte mais sustentável 

As ambições das duas empresas em matéria de Sustentabilidade e Segurança contribuíram fortemente para a concretização deste acordo, uma vez que ambas têm vindo a desenvolver projetos específicos nestas áreas e a implementar medidas concretas que visam a redução de emissões de CO2 em vários planos, mas sobretudo em busca de um Transporte Sustentável.

Este acordo visa a implementação de uma gestão profissional de serviços de gestão e manutenção dos pneus desta frota dos CTT, que garantirão uma maior duração dos mesmos e que resultarão num menor consumo tanto de pneus, como de combustível, reforçando ainda a segurança das pessoas e das cargas.

A Michelin tem uma longa experiência na gestão e otimização da vida dos pneus, através de inspeções preventivas e de operações de manutenção bem definidas que já demonstraram ser o caminho para assegurar a segurança associada ao elo entre veículo e estrada e a redução de custos nas empresas que trabalham com esta marca.

Em causa está, por exemplo, a manutenção preventiva, em que todas as operações de manutenção dos pneus dos veículos pesados CTT são realizadas por uma série de centros de serviço que compõem a rede da Michelin. Estas operações de manutenção incluem inspeções de carácter preventivo realizadas periodicamente aos pneus de cada veículo e que têm como principal objetivo a verificação do desgaste, a pressão e o estado geral dos mesmos. A informação detalhada de cada veículo da frota permitirá que, em cada momento, os CTT terem acesso aos indicadores operacionais dos pneus como data de intervenção, altura de borracha, pressão e serviços efetuados.

Ainda a nível de manutenção, é vital assegurar a total mobilidade da frota dos CTT, onde quer que o veículo se encontre, a qualquer momento. Com o recurso à rede de assistência em estrada ON CALL da Michelin, minimizam-se os as imobilizações dos veículos em caso de incidente.

A utilização de pneus recauchutados é outra das apostas dos CTT na sua corrida por um Planeta mais verde. Ao prolongar a vida do pneu (2ª vida), a recauchutagem da Michelin reduz o número de pneus novos utilizados, enquanto em cada recauchutagem são preservados 50 kg de matérias-primas. A adição de material necessário é apenas 20 kg em média, menos 70% comparativamente às matérias-primas necessárias para fabricar um pneu novo.

Os CTT estimam que o benefício anual na redução de emissões de CO2 resultante do acordo com a Michelin atinja as 100 toneladas, que equivalem, por exemplo a cerca de 1 milhão de km percorridos num veículo automóvel ligeiro que circule em Portugal, ou a 3200 viagens entre Lisboa e Madrid, também num veículo ligeiro.

Possuindo uma das maiores e mais modernas frotas das empresas nacionais, os CTT contam com 3851 veículos em regime de exploração direta, contratando ainda serviços de transporte a terceiros. A frota CTT integra 335 veículos menos poluentes, maioritariamente elétricos, que correspondem atualmente a 9% da frota global dos CTT.

Notícias da mesma categoria

Redação RP

Do mesmo Autor: Redação RP

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com