Pneus Pirelli enfrentam condições adversas no Rali da Finlândia

02 - Pneus-Pirelli-enfrentam-condicoes-adversas-no-Rali-da-Finlandia

Após um regresso com sucesso da Pirelli como fornecedor exclusivo de pneus para o FIA WRC, no mês passado, segue-se agora o Rali da Finlândia. A prova entra no calendário para substituir o Rali da Suécia (cancelado) e será o único evento de inverno puro do WRC.

O evento baseia-se no Arctic Lapland Rally, que decorre todos os meses de janeiro como parte do campeonato finlandês, com etapas realizadas dentro do Círculo Polar Ártico.

PNEUS PIRELLI NA FINLÂNDIA 

Sottozero Ice J1:
Apenas um tipo de pneu com pregos é fornecido para ralis WRC na neve e no gelo, tal como aconteceu no Rali da Suécia. O pneu Sottozero da Pirelli apresenta um total de 384 pregos com pontas de tungstênio, com uma saliencia de sete milímetros fora da banda de rodagem. O resto dos pregos foi colocado no interior dos pensu durante o processo de vulcanização (ao invés de serem inseridos após esse processo), tratando-se de uma tecnologia utilizada apenas pela pirelli que garante a retenção dos pregos. Tratam-se de pneus direcionais e assimétricos, o que significa que foram projetados especificamente para serem equipados no lado esquerdo ou no lado direito do carro.

Terenzio Testoni, responsável pelas atividades de rali: “Os pregos de sete milímetros oferecem o melhor compromisso entre a aderência no gelo e na neve profunda durante a primeira passagem, e mais retenção durante a segunda. As equipas testaram estes pneus, durante um total de 15 dias entre cada uma, recorrendo a cerca de 250 exemplares, e estamos satisfeitos com o desempenho e os níveis de retenção dos pregos verificados até ao momento.”

PIRELLI EM NÚMEROS 

A Pirelli vai transportar cerca de 1.500 pneus para o Rali da Finlândia. Destes, 350 destinam-se à classe principal de WRC.

Cada um dos 13 pilotos do WRC pode utilizar até 20 pneus durante o rali, com uma alocação separada de quatro pneus por shakedown.

A Pirelli vai ainda fornecer 1150 pneus para outros carros, incluindo os do WRC 2 e do WRC 3.

A Pirelli terá 22 colaborados presentes no rali, incluindo montadores e engenheiros.

O NÚMERO GRANDE: 31  

O rali começará na tarde de sexta-feira com a etapa mais longa do rali – os 31,05 quilómetros de Sarriojärvi. A mesma etapa será repetida após o pôr do sol.

A IMPORTÂNCIA DE UMA BOA ESTRATÉGIA DE PNEUS 

Ao contrário do Rali de Monte-Carlo, os pilotos não terão de se preocupar com as escolhas de pneus, uma vez que estará disponível apenas um tipo. Contudo, os pilotos terão de ter cuidado com a utilização e o desgaste dos seus pneus, principalmente porque todas as etapas contam com 20 quilómetros, ou mais, de extensão.

AS POSSÍVEIS SURPRESAS 

O rali da Finlândia será “um evento caseiro” bónus para Kalle Rovanperä, piloto da Toyota, que conta com experiência anterior na Lapônia. Oliver Solberg, da Suécia, fará sua estreia no WRC1, ao volante de um Hyundai, aos 19 anos. Ambos os jovens cresceram e aprenderam a conduzir na neve e no gelo com os seus pais, as antigas estrelas de WRC, Harri Rovanperä e Petter Solberg, respetivamente.

SOUNDBITE DO RALI DA FINLÂNDIA: 

Valtteri Bottas: “As etapas aqui são surreais: é preciso vê-las para apreciar a sua beleza. Experimentei alguns dos novos pneus de gelo da Pirelli, em janeiro, e demonstraram-se muito impressionantes: uma grande melhoria no desempenho de travagem e tração. Bons níveis de velocidade e de durabilidade. Diverti-me imenso!”

 

Notícias da mesma categoria

Redação RP

Do mesmo Autor: Redação RP

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com