Pneus Pirelli regressam ao Rali da Finlândia

09 - pneus-pirelli-regressam

Os pilotos do WRC poderão ter pela frente um desafio muito diferente do habitual, neste regresso às estradas rápidas do Rali da Finlândia, pela primeira vez em mais de dois anos

A decorrer em pleno outono, há fortes possibilidades de condições frias e alguma chuva. Sejam quais forem as condições meteorológicas, os pilotos poderão contar com os pneus Scorpion da Pirelli para fornecer aderência e estabilidade ao longo das etapas de gravilha mais rápidas do campeonato.

O pneu de rali para gravilha da Pirelli, o Scorpion KX, está disponível nos compostos duro e macio. Para esta prova, o composto duro será a escolha principal para as etapas abrasivas e para fazer frente às altas temperaturas. O pneu macio também estará disponível como alternativa, proporcionando aderência em asfalto molhado, especialmente para os pilotos que vão estrear os troços. Em ambos os compostos, o pneu apresenta um reforço adicional, principalmente na parede lateral.

O pneu de rali para gravilha da Pirelli para o WRC 2 e WRC 3, o Scorpion K, também está disponível nos compostos duro e macio, apresentando muitas das caraterísticas do KX instalado nos carros de topo. Estes pneus estão adaptados às caraterísticas das categorias inferiores, que têm um pouco menos de potência.

Terenzio Testoni, responsável Pirelli no WRC “Embora o Rali Finlândia seja um teste muito familiar no WRC, as condições deste ano podem ser bem diferentes por se realizar durante o outono. No verão, altura em que o rali é habitualmente disputado, as temperaturas podem ser muito altas, o que, combinado com as altas velocidades e os grandes saltos, pode causar vários problemas para os pneus.

Desta vez, o maior desafio pode ser encontrar aderência perante baixas temperaturas, especialmente se houver muita chuva e as estradas ficarem muito escorregadias. Por esse motivo, o pneu macio será a escolha principal para fornecer aos pilotos a tração e a confiança de que necessitam para atacar estes troços rápidos, onde os erros podem custar muito tempo. Vai ser interessante ver como os pneus Scorpion macios lidam com o frio, pela primeira vez, dado que a previsão de temperatura ronda os cinco e os dez graus centígrados. ”

A Pirelli vai deslocar cerca de 1300 pneus para a Finlândia, dos quais cerca de 400 serão para a classe superior de carros de rali.

Cada um dos pilotos do WRC pode utilizar até 28 pneus durante o rali, com uma alocação separada de quatro pneus para o shakedown. Para o rali, cada carro terá uma alocação total de:

  • 28 Scorpion KX Macios
  • 8 Scorpion KX Duros

A Pirelli também fornecerá 900 pneus para os outros carros com tração às quatro rodas do evento, incluindo os inscritos no WRC 2 e WRC 3:

  • 26 Scorpion K4A Macios;
  • 8 Scorpion K6A Duros;
  • Também aqui haverá uma alocação separada de quatro pneus para shakedown.

Esta será a 70ª edição do Rali da Finlândia, que na verdade começou como um evento de outono, em setembro de 1951. Naquela época, era conhecido como Jyväskylän Suurajot ou Grande Prémio de Jyväskylä. Hoje, o rali é ainda conhecido como “Gravel Grand Prix” ou “Grande Prémio da Finlândia”, tal é a sua importância no automobilismo.

A Importância da Estratégia de Pneus   
As condições de outono significam que o pneu macio será provavelmente a escolha principal no rali da Finlândia, pelo que tirar o máximo proveito de cada pneu será importante, especialmente com loops de mais de 70 quilómetros, que devem ser concluídos com um único jogo de pneus, no sábado. O rali segue para um formato mais compacto este ano, com início na hora de almoço de sexta-feira e um total de 19 etapas (algumas delas durante com pouca luz ou durante a noite).

A não perder de Vista
Finlandeses voadores. Historicamente, os pilotos da Finlândia dominam o evento caseiro. As estrelas locais que venceram o Rali da Finlândia com pneus Pirelli incluem Markku Alen, Ari Vatanen, Juha Kankkunen e Marcus Gronholm, Mikko Hirvonen e Jari-Matti Latvala. Esapekka Lappi, que venceu o Rali da Finlândia pela Toyota em 2017, vai pilotar um Yaris privado no evento, enquanto que o ex-piloto da M-Sport Teemu Suninen fará a sua estreia ao volante de um Volkswagen Polo R5. Também Teemu Asunmaa e Mikko Heikkila vão rodar com pneus Pirelli, ambos pilotando o mais recente Skoda Fabia Rally 2.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com